Receita de Panqueca de Aveia Light sem farinha e recheio de frango

11/11/2018

Receita de Panqueca de Aveia Light sem farinha e recheio de frango


Um dica rápida e fácil. Panqueca de Farinha de Aveia Light com recheio de frango. Hoje comi uma panqueca maravilhosa, fácil de fazer e rápida.

Ótima para ser consumida no pós treino, ou mesmo como almoço ou jantar.

Ingredientes para a Massa

1 xícara de farinha de aveia;
1 ovo;
1 xícara de leite;
1 pitada de sal.

Para Recheio 

1 peito de frango já cozido e desfiado;
2 cenouras raladas;
Sal a gosto; Pimenta a gosto;
Salsinha a gosto.


Modo de preparo:

Massa Misture todos os ingredientes da massa batendo bem na mão ou no liquidificador até ficar homogênea e aerada. Preaqueça a frigideira antiaderente e unte-a com um fio de óleo de coco e tire o excesso com papel toalha. Com uma concha meça a quantidade de massa e despeje na frigideira de forma que preencha toda a superfície.

Lembre-se que, se quiser massa mais grossa coloque mais massa na concha e, se preferir mais fina (que é mais fácil para virar) adicione menos massa. Espere cerca de 1 minuto, mantendo o fogo brando até ver a borda começar a soltar e a massa escurecer um pouco e então vire com ajuda de uma espátula. Espere mais um minuto e tire. Repita o procedimento até acabar a massa.

Recheio. Em uma panela com azeite refogue o frango, acrescente sal e pimenta a gosto. Acerte o sal, se necessário, coloque a salsa picada e desligue o fogo. Simples não? Você pode rechear com o que vocês deseja. Bom apetite!🍴

Bolo de cenoura com farinha de aveia sem glúten

11/10/2018

Bolo de cenoura com farinha de aveia sem glúten 

Tempo chuvoso por ai? Que tal ir para a cozinha preparar um lanche gostoso e saudável para a criançada, ou mesmo para o "bem".

Se liga nesta receita de Bolo de Cenoura com farinha de aveia sem glúten do site Mundo Verde.

Ingredientes 

1 cenoura crua ralada.
½ xícara de chá de bebida vegetal em pó diluída pode ser arroz, coco, castanha ou amêndoas.
2 ovos.
3 colheres de sopa de óleo de coco.
1 xícara de chá de farinha de aveia sem glúten.
2 colheres de sopa de aveia em flocos sem glúten.
2 colheres de sopa de xilitol.
1 colher de sobremesa de fermento químico.
1 barra de chocolate 70% de cacau derretido (para cobertura).

Modo de preparo: 

No liquidificador bata os a cenoura com os ovos, a bebida vegetal e o óleo de coco, até a mistura ficar homogênea. Despeje em uma vasilha e misture a farinha de aveia sem glúten, a aveia em flocos sem glúten e o xilitol. Após ficar homogêneo, adicione o fermento e misture cuidadosamente. Unte um refratário com óleo de coco e despeje a mistura. Em forno pré aquecido (180°C), leve para assar por aproximadamente 1 hora. Retire do forno e cubra com o chocolate 70% derretido.

Rendimentos; 12 porções
Calorias por porção; 130 Kcal

via Mundo Verde

Febre amarela: sintomas, transmissão e prevenção

2/11/2018

Febre amarela: sintomas, transmissão e prevenção

Como todos sabem a Febre Amarela é uma realidade e está ai entre nos.  E você já tomou a vacina contra a Febre Amarela, sabe como é a transmissão do vírus e sintomas, prevenção e tratamento? Se liga neste post e confira todas as dicas e previna-se!

Transmissão

 Vírus da Febre Amarela febre amarela, vacinacao, Febre Amarela, Febre amarela, tratamento,
sintomas, cura, perguntas e respostas O vírus da febre amarela é transmitido pela picada dos mosquitos transmissores infectados. A doença não é passada de pessoa a pessoa. A vacina é a principal ferramenta de prevenção e controle da doença.

clique para ampliar
Há dois diferentes ciclos epidemiológicos de transmissão, o silvestre e o urbano. Mas a doença tem as mesmas características sob o ponto de vista etiológico, clínico, imunológico e fisiopatológico. No ciclo silvestre da febre amarela, os primatas não humanos (macacos) são os principais hospedeiros e amplificadores do vírus e os vetores são mosquitos com hábitos estritamente silvestres, sendo os gêneros Haemagogus e Sabethes os mais importantes na América Latina. Nesse ciclo, o homem participa como um hospedeiro acidental ao adentrar áreas de mata. No ciclo urbano, o homem é o único hospedeiro com importância epidemiológica e a transmissão ocorre a partir de vetores urbanos (Aedes aegypti) infectados.

 É importante informar que o ciclo da doença atualmente é silvestre, com transmissão por meio de vetor (mosquitos dos gêneros Haemagogus e Sabethes no ambiente silvestre). O último caso de febre amarela urbana foi registrado no Brasil em 1942, e todos os casos confirmados desde então decorrem do ciclo silvestre de transmissão. A pessoa apresenta os sintomas iniciais 3 a 6 dias após ter sido infectada.


Sintomas


Os sintomas iniciais da febre amarela sintomas febre dores nauseas fadiga hemorragia febre amarela,
vacinação, Febre Amarela, Febre amarela, tratamento, sintomas, cura, perguntas e respostas Os
sintomas iniciais da febre amarela incluem o início súbito de febre, calafrios, dor de cabeça intensa, dores nas costas, dores no corpo em geral, náuseas e vômitos, fadiga e fraqueza. A maioria das pessoas melhora após estes sintomas iniciais. No entanto, cerca de 15% apresentam um breve período de horas a um dia sem sintomas e, então, desenvolvem uma forma mais grave da doença.

clique para ampliar
Em casos graves, a pessoa pode desenvolver febre alta, icterícia (coloração amarelada da pele e do branco dos olhos), hemorragia (especialmente a partir do trato gastrointestinal) e, eventualmente, choque e insuficiência de múltiplos órgãos. Cerca de 20% a 50% das pessoas que desenvolvem doença grave podem morrer.

Depois de identificar alguns desses sintomas, procure um médico na unidade de saúde mais próxima e informe sobre qualquer viagem para áreas de risco nos 15 dias anteriores ao início dos sintomas, e se você observou mortandade de macacos próximo aos lugares que você visitou. Informe, ainda, se você tomou a vacina contra a febre amarela, e a data.

Diagnóstico


 Somente um médico é capaz de diagnosticar e tratar corretamente a doença.

Tratamento


 O tratamento é apenas sintomático, com cuidadosa assistência ao paciente que, sob hospitalização, deve permanecer em repouso, com reposição de líquidos e das perdas sanguíneas, quando indicado. Nas formas graves, o paciente deve ser atendido em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), para reduzir as complicações e o risco de óbito. Medicamentos salicilatos devem ser evitados (AAS e Aspirina), já que o uso pode favorecer o aparecimento de manifestações hemorrágicas. O médico deve estar alerta para quaisquer indicações de um agravamento do quadro clínico.

Prevenção 

O Sistema Único de Saúde oferta vacina contra
febre amarela para a população. Desde abril de 2017, o Brasil adota o esquema vacinal de apenas uma dose durante toda a vida, medida que está de acordo com as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS). Toda pessoa que reside em Áreas com Recomendação da Vacina contra febre amarela e pessoas que vão viajar para essas áreas deve se imunizar.

A vacinação para febre amarela é ofertada na rotina dos municípios com recomendação de vacinação nos seguintes estados: Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Bahia, Maranhão, Piauí, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Além das áreas com recomendação, neste momento, também está sendo vacinada a população do Espírito Santo.

OBS: O Macaco não transmite o vírus. Ele é vítima como nos. Não maltrate ou mate os animais, certo? 🙈🙉🙊

via Ministério da Saúde

Cinco anos. 5 anos sem cigarro!

1/30/2018

Cinco anos. 5 anos sem cigarro!

 Cinco anos. Isso mesmo! 😱😱 Lá se foram cinco anos,  desde que tomei a decisão mais sábia por assim dizer. Até hoje muitos me perguntam, quando descobre que eu já fui fumante se sinto vontade ou se tive alguma recaída ao logo destes anos, e a resposta é uma só. Não!

Outra pergunta frequente que sempre me fazem é: Você usou algum medicamento para parar de fumar, foi ao médico, o que você fez?  Então vamos por parte! Não usei medicamente algum, exceto adesivos de nicotina que me ajudaram no meu processo. Não não fui ao médico. Para conferir toda a minha saga basta clicar AQUI



E desde que parei de fumar muita coisa aconteceu em minha vida, coisas boas e coisas não tão boas assim (nada relacionado à saúde, e sim coisas da vida), mas é vida que segue.

Uma boa notícia é que virei atleta. Sim!
Ainda não sou atleta de elite mas me considero um atleta.

Treino 4 vezes na semana com orientação da minha equipe de corrida e do meu treinador. Como disse no início do post não fumo mais, não bebo, e sigo à risca dicas do meu treinador e dos meus instrutores, e lógicos dos médicos que hoje me avaliam frequentemente.

Então galera é isso! Não tem segredo, se você quer parar de fumar, lute, corra atrás literalmente e alcance este objetivo e veja sua vida mudar. Mudar para melhor. Tenha força de vontade, lute contra você mesmo.

Se você quer saber como foi o início desde o primeiro dia em que deixei o cigarro fora de minha vida  clique AQUI e boa leitura. Espero de alguma forma inspirar você a fazer o mesmo que eu fiz a cinco anos atrás. 🚭

Nike apresenta o Epic React Flyknit, novo tênis para corredores

1/28/2018

Nike apresenta o Epic React Flyknit 


A Nike apresentou seu novo tênis, o Epic React Flyknit, desenvolvido com uma nova espuma que foi criada para aumentar o amortecimento e garantir maior retorno de energia.

O sonho da maioria de nos corredores é ter um tênis com ótimo amortecimento e ao mesmo tempo que ele seja leve. E é isso que a Nike promete com seu novo tênis, intitulado de Epic React Flyknit. Ele é 5% mais leve, 11% mais macio e devolve 10% mais energia que o Nike Lunar Epic 2. Essas características se dão devido a essa nova espuma.

Sobre a nova espuma 

Batizada de Nike React essa espuma é mais macia que os materiais utilizados anteriormente pela Nike, com isso o grau de amortecimento aumenta. Além disso a largura e a altura no calçado é maior oferecendo mais apoio para o pé dos corredores. Desenvolvida por computador a espuma não possui qualquer tipo de cola ou amarração. Isso ajuda na redução do peso final do tênis. Para garantir durabilidade e mais tração foram colocados duas peças de borracha mais resistentes na frente e sob o calcanhar.

Outro detalhe que chama , composto de uma única peça de flyknit ele foi feito com a menor quantidade de material possível e mesmo assim sua estrutura garante sustentação, flexibilidade e ventilação nos lugares onde os atletas mais precisam.

Ficha Técnica Peso: 272g (Masculino tamanho 10) / 221g -  (Feminino tamanho 8) Drop: 10mm Pisada: Todos os tipos de pisada (Nike Epic React Flyknit) foi desenvolvido para atender a todos os tipos de corredor, independente da sua pisada ser supinada, pronada ou neutra.
Preço sugerido: R$ 699,90
Categoria: Foco é amortecimento, mas sem deixar de ser responsivo.

 Informações e imagens: Divulgação Nike

Eu quero essa belezura😍🏃🏃👟

Vapt e vupt: Receita de bolo de beterraba fit!

11/15/2017

Vapt e vupt: Receita de bolo de beterraba fit! 

Receita fit rápido e fácil de fazer, Bolo de beterrabas✊🎂. Não há nenhum segredo nesta receita.

Fui na net e busquei por receita de bolo de beterrabas, porém como sou fit rsrsrs, substitui todos os ingredientes da receita original exceto os ovos e o fermento em pó por produtos saudáveis🙈.

Nem a cobertura escapou dos meu dotes culinários. Abaixo segue à receita  com as devidas alterações.

Ingredientes

2 beterraba médias
2 xícara de farinha de trigo integral
2 xícara de açúcar mascavo
1 xícara de óleo de coco
4 ovos
1 colher de fermento
1 pitada de sal
Opcional: Sementes de linhaça e castanhas.

Modo de Preparo

Coloque no liquidificador os ovos, a beterraba, o óleo, e o sal. Bata bem! Depois coloque a farinha , o açúcar ,o fermento e duas colheres de linhaça em uma tigela, e misture tudo com uma espátula por uns 4 minutos, mais ou menos.

Leve para assar, em forma untada e enfarinhada, como usei forma de silicone não foi necessário untar a forma, e se fosse necessário iria usar óleo de coco também. Já que é para ser fit, vamos até o final rsrsrs Leve para assar em forno médio, pré - aquecido, por aproximadamente 40 minutos, ou até dourar.

Cobertura

1 copo americano de água e 4/5 colheres de cacau 100%. Misture bem o cacau e a água e leve ao fogo baixo até engrossar. Com o bolo já frio e com pequenos furinhos despeje toda a cobertura sobre e depois as castanhas, e já pode servir! 😋

Se você não curte chocolate amargo, sugiro usar cacau 40% - 50%. Agora se você gosta siga em frente. O amargo da calda contrasta com o sabor do bolo.

Vocês precisam ver Chris Hemsworth malhando

3/12/2017

Vocês precisam ver Chris Hemsworth malhando

Está pensando ou achando que, manter o físico do Chris Hemsworth é fácil?

Não é mesmo kirida! O treino dele é pesado, de tirar o fôlego. Neste sábado - 11, o ator postou em seu Instagram sua rotina de exercícios com seu personal trainer.

Chris faz várias sequências de exercícios tudo para ficar em forma para dar vida ao deuso Thor, ainda mais que em “Ragnarok” ele vai ter que enfrentar a Deusa da Morte, Cate Blanchett.

A atriz aprendeu capoeira para seu papel. Ainda falando sobre Thor, ele está com um novo visual no terceiro filme, cortaram as madeixas louras dele - CONFIRA AQUI - abaixo o vídeo com a dedicação de Hemsworth.


Com dados alarmantes sobre HIV/Aids, governo divulga campanha de carnaval

2/24/2017

Com dados alarmantes sobre HIV/Aids, governo divulga campanha de carnaval


O Ministério da Saúde divulgou nesta terça-feira, 21, a campanha do carnaval 2017 para prevenção de DST's e AIDS.

Com o slogan "No carnaval, use camisinha e viva essa grande festa”, o vídeo inclui um casal gay e uma trans.

Divulgado no Youtube, a produção traz dados alarmantes sobre o HIV no Brasil, segundo dados, 260 mil pessoas no país possuem HIV e não se tratam, enquanto 112 mil não sabem ter o vírus da aids.

 “Intensificamos no carnaval a campanha de prevenção ao HIV/aids, mas distribuímos camisinhas o ano todo. Este ano, estamos apelando especialmente aos jovens que usem camisinha, e façam a testagem e, se infectados, busquem tratamento, que é gratuito ...”, afirma Ricardo Barros, ministro da Saúde. 

 Assista:

Veja vídeo com 21 Exercícios Para Chapar a Barriga

1/17/2017

Veja vídeo com 21 Exercícios Para Chapar a Barriga 


Verão, carnaval...

Anda desmotivado para praticar exercícios ou está atrás de novos exercícios para praticar no conforto do seu lar, ou onde estiver? O Canal Xtreme 21 do personal Sérgio Bertoluci divulgou um vídeo onde ele apresenta vinte um tipos de abdominais para você chapar sua barriga e chegar no Carnaval de bem com a vida.

São exercícios simples onde você necessita apenas de um colchonete e de disposição e mais nada. Lembramos que apenas abdominais não faz você perder peso. Associe junto, caminhadas, voltas de bike, corrida, e lógico o principal! Boa alimentação.

Uma alimentação balanceada livre de frituras e açucares faz toda à diferença. Então, aperte o play e comece hoje mesmo a se movimentar. Bons treinos! 👊💪

Mais de 260 mil brasileiros sabem que têm HIV e não se tratam

11/30/2016

260 mil brasileiros sabem que têm HIV e não se tratam

Hoje, quarta-feira - 30, o ministério da Saúde informou que 260 mil pessoas sabem que estão infectadas pelo HIV no Brasil e não estão se tratando. Outras 112 mil têm o vírus e não sabem por não apresentarem os sintomas, de acordo com a estimativa do governo. 

A coletiva de imprensa chama atenção para o Dia Mundial de Combate à Aids, que ocorre nesta quinta - 1 de Dezembro.

De acordo com a diretora do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, Adele Benzaken, essas pessoas que sabem que estão infectadas e não recebem o tratamento estão, em maior parte, em negação com relação ao vírus. Ou seja, não aceitam que podem desenvolver a doença.
  


Somando as duas estimativas - dos brasileiros que sabem e não sabem que estão com o vírus e não tomam o coquetel contra a Aids - temos mais de 372 mil pessoas sem o tratamento contra o vírus  HIV. 

No total, o Governo Federal fez uma estimativa que 827 mil pessoas estejam vivendo com a doença no país. Destas, 715 mil já foram diagnosticadas e 455 mil estão em tratamento. O grupo destas pessoas que recebem a medicação no Brasil tem 410 mil pacientes com carga viral indetectável, com uma boa qualidade de vida e pouca chance de transmissão. 

Em 2015, foram realizados 8,5 milhões de testes de HIV no Brasil. O estado com o maior número de casos por 100 mil habitantes é Roraima, com uma taxa de 8,1, seguido pelo Rio Grande do Sul, com 5,4, e pelos estados do Rio Grande do Norte e Rio de Janeiro, ambos com um índice de 5,0 casos por 100 mil habitantes. A média nacional é de 2,5.

Redução da transmissão A transmissão do vírus de mãe para o filho (crianças com menos de 5 anos) foi reduzida em 36% nos últimos seis anos. De acordo com o ministério, uma ampliação da testagem no pré-natal e reforço na oferta de medicação para as gestantes contribuíram para a queda das taxas. 

Medicamento usado no tratamento - 3x1 Efavirenz + Lamivudine + Tenofovir

Galera usem camisinha nas suas relações sexuais. Não é só o vírus HIV que se pega em relações desprotegidas. Temos várias doenças DSTs espalhadas por aí. Já mostramos aqui mesmo no blog as sequelas da Sífili.

Se você ainda não fez o teste de HIV/Aids, procure hoje mesmo o posto de saúde mais próximo de sua casa e faça o teste. Quanto antes você ficar sabendo, melhor é suas chances de tratamento. Fica a dica! 😉 👬👭👫 e aproveita e assiste ao vídeo abaixo!

via G1

Cinco marcas de protetor solar facial não passam em teste, confira!

11/28/2016

Cinco marcas de protetor solar facial não passam em teste


Os produtos da Sundown, L'Oreal, ROC, Sunmax e La Roche Posay não apresentaram FPS que consta dos rótulos, levando você a pagar mais caro e ainda ficar menos protegido contra os efeitos maléficos dos raios solares.

De acordo com teste, metade dos protetores solares para o rosto testados pela PROTESTE não tiveram o desempenho esperado, com proteção inferior à indicada no rótulo.

Das dez marcas testadas para avaliar a eficácia, os produtos da Sundown, L'Oreal, ROC, Sunmax e La Roche Posay não apresentaram o Fator de Proteção Solar (quanto mais alto o FPS, mais caro) que consta dos rótulos. 

Para a PROTESTE, os produtos não estão adequados para a venda. Informamos os resultados do teste para a Anvisa e Sociedade de Dermatologia. A PROTESTE exige que a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) retire os produtos que não atendem a lei. 

O protetor La Roche Posay, por exemplo, apresentou 42% a menos do que o indicado de FPS. A metodologia indicada na norma da Anvisa considera aceitável uma variação de até 17% em relação ao que é informado na embalagem. 

Porém, os outros quatro produtos (Sundown, L'Oreal, ROC, e Sunmax) também tinham mais do que esse percentual permitido. Vale saber que o FPS avalia a capacidade de os produtos filtrarem a radiação do tipo UVB, que atinge a camada mais superficial da pele, podendo causar vermelhidão, queimaduras e câncer de pele. 

O valor de FPS consiste na razão entre o tempo de exposição à radiação ultravioleta necessário para produzir vermelhidão na pele protegida pelo protetor solar e o tempo, para o mesmo efeito, com a pele desprotegida.

Por exemplo, quando se usa um filtro solar com FPS 30, a mesma pele leva 30 vezes mais tempo para
ficar vermelha. Por isso, saber o exato fator de proteção é fundamental, pois indica o quanto se está protegido contra a radiação UVB.

O teste, avaliou ainda a proteção UVA dos produtos. Um protetor com FPS 60 precisa ter proteção UVA igual a 20, no mínimo.

O produto da L'Oreal foi considerado ruim por apresentar 26% do FPS rotulado, em vez dos 33% exigidos para UVA. Por outro lado, o protetor solar Nivea apresentou uma proteção UVA excelente.

Como os raios UVA atingem as camadas mais profundas da pele, eles são os principais responsáveis pelo envelhecimento precoce, bronzeamento, além de também contribuírem para o câncer de pele.

Essa é a quarta vez que a PROTESTE testa protetores solares (agora, pela primeira vez, na versão para o rosto), tendo persistido o problema de discrepância entre o indicado nos rótulos e o que o laboratório constata de proteção oferecida.

Fique de olho!! 


via Proteste

Vapt e vupt: Panqueca de banana proteica!

11/28/2016

Vapt e vupt: Panqueca de banana proteica! 

Sou apaixonado por receitas vapt e vupt. Uma porque não requer muito do nosso precioso tempo e outra que da para fazer em menos de cinco minutos 😍

Não nego! Sempre vasculho à internet em busca de novidades e principalmente de receitas rápidas. Essa semana recebi por e-mail essa receita de panqueca de banana que a Ana Medeiros postou em seu blog "A Casa que a minha Vó queria". 

Por ser uma receita mara e rápida resolvi postar aqui para vocês. Você vai precisar de uma banana, um ovo e canela. Primeiro você amassa uma banana, misture um ovo e uma pitada de canela. Leve para assar numa frigideira antiaderente. Primeiro de uma lado, depois do outro, e pronto! Antes de servir salpique mais uma canelinha por cima. 😋

Simples assim e é ótima como pré treino! 

via A Casa que a minha Vó queria

Diário de um blogueiro; Quatro anos sem cigarro!

11/26/2016

Diário de um blogueiro; Quatro anos sem cigarro! 

Como o tempo passa rápido meu Deus! Parece que foi ontem, mas faz quatro anos desde que parei de fumar 😱 quatro anos completados na última segunda-feira - 21.

Já se passaram quatro longos anos desde que coloquei o último cigarro em minha boca e tomei essa importante decisão para minha vida, gente!

Se você chegou aqui agora e não está entendendo nada, eu explico! Há exatamente quatro anos atrás eu decidi que não iria mais fumar e relatei tudo aqui. Sintomas, reações, tudo o que aconteceu a partir do momento em que resolvi parar de fumar. 

Narrei o que aconteceu comigo nas primeiras horas, nos primeiros meses, até anos ... Tudo após tomar essa decisão que mais tarde iria ser crucial para minha vida, saúde. Como relatado AQUI (Diário de um blogueiro), eu já levava um estilo de vida, onde cigarro já não era mais condizente com a minha vida. Estava dando os primeiros passos na corrida de rua que mais tarde se tornaria uma grande paixão, praticando exercícios físicos regularmente, e havia iniciado uma reeducação alimentar (RA) que perdura até os dias de hoje. 

O processo foi simples, mas não tão fácil ou difícil! Comprei adesivos de nicotina, vendidos em farmácia, indicado por uma amiga e comecei o processo. Senti um incomodo moderado, apenas nas primeiras horas 24 horas, para muitos, horas cruciais.

Tosse, irritação, crises de enxaqueca, e muita inquietação foram alguns dos sintomas. Passado às primeiras horas tudo voltou ao normal. Ou quase! O cigarro já não estava presente no meu dia à dia, e o péssimo hábito que todo fumante carrega durante anos estava presente.  Este mau hábito que me refiro, é ao fato dê que você come, acende um cigarro. Toma café, acendo um cigarro, e por aí vai. Ou você se policia, ou pode colocar tudo à perder.

Hoje continuo firme no meu propósito, não curto fumaça ou cheiro de cigarros. Não fumo, não bebo bebidas alcoólicas (decisão própria nada em relação ao cigarro), pratico exercícios físicos seis vezes na semana, distribuídos entre funcional, corrida de rua, bike e natação.  

E sempre digo! Parar de fumar é uma decisão sua, pessoal, e foi uma das melhores decisões que já tomei para minha vida. Tenho fôlego, já não tenho dores e infecções de garganta como antes, gripes, já não cheiro à cinzeiro etc.

Mas como já disse! Essa decisão partiu de mim com o apoio dos meus amigos e familiares. Não tomei essa decisão porque estava doente, ou porque alguém me pediu. Foi uma decisão exclusivamente minha. 

Então se você tem vontade de parar de fumar, e ainda não tomou essa decisão, veja AQUI todo o meu relato, e quem sabe você não se inspira e deixa este vício. Abaixo deixo uma imagem e um vídeo. Na imagem podemos ver o que existe dentro de um simples cigarro, e um vídeo onde podemos ver o que anos de nicotina causa em nossos pulmões.


É isso! Um beijo para meus amigos, e quem venha o próximo ano😘🚭

Exercícios para você prevenir dores nas costas, veja!

11/08/2016

Exercícios para você prevenir dores nas costas, veja!


Que atire a primeira pedra quem nunca sentiu aquela dorzinha incômoda após um longo dia de trabalho ou algum esforço físico, estou correto?😓

Segundo especialistas, 80% das pessoas vão sofrer com dores nas costas em algum momento da vida. Mas isso não é motivo para se preocupar, já que na maioria das vezes essa dor é passageira – e existem diversas maneiras de preveni-las. 

Composta por uma série de ossos, chamados vértebras, a coluna é uma estrutura sensível com diversas funções, entre elas proteger a medula espinhal, suportar o peso do corpo, sustentar membros como a cintura pélvica e dar flexibilidade e mobilidade. Ela é dividida em cinco regiões: cervical, torácica, lombar, sacro e coccígeas. 

Segundo o ortopedista e cirurgião de coluna Alexandre Fogaça Cristante, a região lombar costuma ser a campeã de reclamações. Há quem diga que, em número de visitas ao médico, ela só perde para o resfriado. “Apesar de ser muito comum, é um problema que, quase na maioria das vezes, se resolve espontaneamente, ou seja, sem precisar de tratamento ou medicação”, explica. 

Excesso de peso, sedentarismo, má postura, esforço repetitivo podem ser uma das causas deste incomodo. Prática regular de atividade física é muito benéfica para quem sofre com dores nas costas. 

Então confira abaixo quatro exercícios que você pode realizar no conforto da sua casa para prevenir, e ou amenizar dores nas costas



1 - Abdominal solo


Posição inicial de decúbito dorsal, mãos ao lado da cabeça, realizar a flexão do tronco sem flexionar a região cervical, voltar à posição inicial.

Faça 3 séries de 10 a 15 movimento. OBS: Não forçar o pescoço como muitos o fazem. Concentre toda a força no abdômen não no pescoço, ok?



2 - Extensão lombar no solo


Iniciar em posição de decúbito ventral, braços estendidos acima da cabeça e pernas estendidas como mostra à foto ao lado.

Realizar um leve movimento de extensão lombar elevando pernas e braços do solo ao mesmo tempo concentrando a força na região lombar.

Faça 3 séries de 10 a 15 movimentos



3 - Ponte inversa/lateral no solo (Prancha)

Ponte 

Iniciar o exercício em posição de decúbito dorsal, joelhos flexionados, realizar a extensão do quadril e manter em posição de isometria.

Faça 3 séries de 20 a 30 segundos em isometria

Ponte lateral 

Iniciar o exercício em decúbito lateral, apoiar o antebraço no solo, realizar a extensão lateral do tronco, mantendo o tronco paralelo ao solo em isometria.

Realizar o exercício dos dois lados. 3 séries de 20 a 30 segundos em isometria 



4 - Ponte ventral


Iniciar o exercício em posição de quatro apoios, apoiando os antebraços no solo, realizar a elevação de quadril e joelhos e manter posição de isometria, realizando contração de glúteos e abdômen. 

Mantenha a coluna reta. Faça 3 séries de 20 a 30 segundos em isometria





OBS: Lembre-se! Se as dores persistir por mais de uma semana, procure ajuda e orientação de um profissional de saúde. E mais um dica! Veja abaixo uma imagem onde podemos ver a posição correta que devemos caminhar para evitar as terríveis dores nas costas.

Sempre mantenha ereto. Jamais fique corcunda ao caminhar.  👍👌



 via Ativo

Alimentos que podemos e os que não podemos comer em jejum

11/06/2016

Alimentos que podemos e os que não podemos comer em jejum

Você costuma tomar café da manhã logo que inicia o seu dia? E quais são os seus alimentos prediletos no café da manhã?

O iogurte, café e suco de laranja, são um dos alimentos e bebidas mais consumidas no café da manhã da maioria das pessoas, certo?. Mas infelizmente, poucos sabem que alguns destes alimentos não deveriam ser os primeiros a serem consumidos no dia. 

O site o Incrível.club fez um infográfico onde podemos conferir em detalhes quais os alimentos que podemos e os que não podemos comer em jejum, ou seja logo pela manhã, confira! 

via Incrível.club

Benefícios da prancha isométrica realizada todos os dias

10/28/2016

Benefícios da prancha isométrica realizada todos os dias


Tempos atrás publiquei aqui, o desafio do abdominal prancha, onde você deveria faze-lo durante 28 dias, aumentando o tempo de execução a cada dia. Pois bem!

Para quem não sabe, a prancha isométrica, é um exercício feito com o próprio peso corporal,  muito prático e eficiente excelente para o fortalecimento do core. Para quem não sabe o CORE é o centro do nosso corpo. É o conjunto de músculos responsável pelo nosso equilíbrio e pela adequação postural do tronco em qualquer movimento. 

 O core – em inglês, centro – está localizado nas regiões mais profundas do tronco e da pelve. Esses músculos formam um centro de força que mantém a estabilidade da coluna lombar e a flexibilidade.

Voltando ao nosso tema. A prancha pode ser executada em qualquer lugar, não exige nenhum tipo de acessório e é a chave para quem deseja conquistar o tão sonhado abdômen chapado. Afinal, ao executar o abdominal prancha, os músculos do core devem estar acionados a todo o momento, assim garantindo suporte para as nossas costas e coluna vertebral.

Veja o que vai acontecer quando você faz pranchas todos os dias; 

1. Você vai ficar mais forte e definida 

As pranchas trabalham os principais grupos musculares do core, incluindo o transverso, o reto abdominal, o oblíquo externo e os glúteos. Se você fortalecer esses músculos vai notar que a sua capacidade de levantar pesos vai aumentar, o seu desempenho nos esportes de salto vai melhorar e o tanquinho vai finalmente aparecer. De quebra, você ainda fortalece a região da lombar, ou seja, menos dor nas costas. 

2. O risco de lesões nas costas e coluna vertebral vai diminuir

De acordo com o Conselho Americano de Exercício fazer pranchas regularmente não só reduz significativamente a famosa dor nas costas, como também fortalece os músculos da região abdominal, o que garante forte suporte para toda as costas, especialmente na área superior. Veja também: 5 melhores pranchas para definir a barriga

3. Metabolismo turbinado 

Elas são uma excelente maneira de desafiar o seu corpo inteiro. Por isso, realizar esse exercício todos os dias vai queimar mais calorias do que os abdominais tradicionais. Os músculos do core, fortalecidos por meio da prancha, vão garantir a queima calórica até mesmo quando você estiver parada. Isto é especialmente importante se você passa a maior parte de seu dia sentada no trabalho. 

4. Sua postura sempre reta – tipo bailarina! 

Fazer pranchas melhora significativamente a sua capacidade de ficar com a postura reta e estável. Através do fortalecimento de core, o seu corpo será capaz de manter a postura correta, já que os músculos no abdômen tem grande influência sobre a estabilidade do pescoço, ombros, peito e costas. 

5. Você vai melhorar o seu equilíbrio 

Alguma vez você já tentou ficar de pé apoiando uma perna só e caiu depois de alguns segundos? Isso acontece por que seus músculos abdominais não estão fortes o suficiente para dar o equilíbrio necessário. Adivinha só o que pode resolver esse problema? A prancha! 

 6. Maior flexibilidade 

A flexibilidade é um dos principais benefícios de fazer prancha regularmente, justamente porque o exercício alonga vários grupos musculares como ombros, omoplatas e clavícula – e os isquiotibiais, arcos e dedos dos pés.


Vapt e Vupt: Sorvete natural de Abacaxi sem açúcar!! :)

10/24/2016

Vapt e vupt: Sorvete natural de Abacaxi sem açúcar!! :)


Calor por aí? O verão ainda não chegou e várias regiões do Brasil está enfrentando as altas com altas temperaturas. 

E que tal se refrescar sem culpa na consciência e sem comprometer a dieta? 

Sim, é possível! Vamos aprender a fazer um deliciosos sorvete de Abacaxi totalmente natural sem adição de açúcar ou conservantes.  

Você vai precisar de uma Abacaxi maduro e laranjas. 

Modo de preparo: Descasque e pique o Abacaxi em cubos, feito isso leve ao congelar por aproximadamente 5 horas. Após congelar, coloque os cubos no processador com raspas da casca da laranja e alguns pedaços de laranja sem sementes. Processe até obter uma textura homogênea, e está pronto! Sirva com folhinhas de hortelã. 

Use a criatividade! Eu fiz com bananas e adicionei morangos congelados. Na hora de servir, coloquei mel e granola, ficou divino! Faça com morangos, bananas, manga etc... ;)

 Bom apetite! Não deixe de conferir - Espante o calor com deliciosos picolés caseiros de fruta!

via Fitness Club

Veja como a obesidade afeta os órgãos de uma pessoa!

10/10/2016

Veja como a obesidade afeta os órgãos de uma pessoa! 


As pessoas hoje em dia estão cansadas de saber que a obesidade e o sobre peso causa diversas doenças. 

E muitas das pessoas acredita que o dano maior é esteticamente. Errado! A obesidade, causa pressão alta, doenças do coração, colesterol elevado, câncer, infertilidade, dor lombar, úlceras, pedras na vesícula entre outras. 

O vídeo que você vai conferir a seguir, foi produzido pela BBC Three no qual mostra como a obesidade afeta o corpo dos seres humanos. Para isso, eles dissecaram o corpo de uma mulher com cerca de 60 anos que doou seu corpo para estudo. 

Lembrete: O vídeo é bem interessante, mas não recomendável para pessoas muito sensíveis. Nele podemos ver claramente como a obesidade impacta diretamente no coração, fígado, rins e pulmões das pessoas, confira! 

Como o próprio médico do estudo diz, nunca é tarde para mudar de vida.

Colesterol em crianças: O Inimigo silencioso

9/20/2016

Colesterol em crianças: O Inimigo silencioso



Hoje vi uma mãe reclamando que mesmo o filho praticando esporte no caso natação, o colesterol do mesmo continuava alto.

Há dez anos atrás, fazer testes de sangue para avaliar o nível do colesterol em crianças pequenas não era uma prática muito comum nos consultórios.

Mas hoje com o sedentarismo, os tablets, internet, e alto níveis de criminalidade este cenário mudou. Hoje, os médicos acreditam que cerca de 30% das crianças brasileiras tenham colesterol alto – não existe uma estimativa do Ministério da Saúde. 

Estudo, realizado pela West Virginia University, nos Estados Unidos, reforça a importância de todas as crianças, independente de histórico familiar de doença, terem os níveis de colesterol avaliados e, se necessário, medicadas o quanto antes. 

Um dos resultados da pesquisa mostrou que mais de 1% de crianças com idade entre 10 e 11 anos apresentaram colesterol alto e 1/3 dessas não tinham parentes com o problema.
A alimentação inadequada, a falta de atividade física e a genética são os responsáveis por esse desequilíbrio. Um estudo realizado em Pernambuco com 414 crianças mostrou que 30% delas tinham o diagnóstico – e apenas 4% estavam acima do peso. “Isso é o que mais assusta os pais: como meu filho é magro, está bem disposto e tem colesterol alto?”, diz Yeda Jatene, cardiologista do Hospital do Coração (SP) e uma das maiores especialistas no Brasil. 

Quando a pediatra de Gustavo, hoje com 2 anos, pediu alguns exames complementares, a mãe, nem imaginava que o garoto, sempre com o peso adequado para a faixa etária, poderia ter colesterol alto. 

Avaliações com nutricionistas mostraram o que estava errado. Durante a semana, ele comia mais bolachas recheadas e frituras do que deveria e, aos sábados e domingos, não seguia uma rotina. Gustavo não consumia mais do que precisava, ele simplesmente não comia alimentos saudáveis. E esse é o quadro que se repete na maioria das avaliações feitas pelos pediatras.

Pesquisa de Porto Alegre, feita em 2005 com 350 crianças de 3 a 4 anos, mostrou que mais de 60% comiam bolachas recheadas, fast-food e outras refeições compradas prontas com 1 ano e que o jantar era substituído por lanche. 

Outro fator que surpreende, é a falta de sintomas. Colesterol alto na infância, seja ou não genético, não causa nenhuma alteração perceptível nas crianças. 

Elas não vão se sentir mais cansadas, ter pressão alta ou sentir dores no peito. E é aí que está o perigo. “Alguns estudos mostram que há deposição de placas de gordura nas artérias ainda na infância”, diz Luiz Eduardo Calliari, endocrinologista do Hospital São Luiz (SP).

Na fase adulta ele vai ter mais chances de desenvolver algum problema cardiovascular e circulatório importante. Um estudo feito no ano passado com 43.165 clientes de uma empresa que comercializa planos de saúde revelou que, de 2004 a 2008, subiu de 18% para 25,4% a quantidade de pessoas com colesterol alterado.

Mudança de hábito 


Melhorar a alimentação da criança é a primeira fase do tratamento – e também da prevenção.

Os alimentos que aumentam o colesterol precisaram ser substituídos. Essa mudança, associada à prática de exercícios, ajuda a reduzir o colesterol ruim, o LDL. Saem carnes vermelhas gordurosas, derivados de leite (em especial os integrais), bolacha recheada, sorvete de massa, frituras e embutidos. Entram azeite de oliva, cereais, leite desnatado, frutas, verduras e legumes.  O mesmo deve acontecer na escola. . 

Outro diagnóstico comum na infância é o HDL, o colesterol bom, abaixo do esperado. Ele é importante porque recolhe do sangue as sobras de colesterol, fazendo que não seja depositado nas nossas artérias; ajuda na formação da membrana celular e é base para formação de hormônios sexuais. 

Essa alteração acontece porque as crianças hoje são mais sedentárias. O ideal é que seu filho faça atividade física todos os dias por pelo menos 50 minutos. Parece muito, mas pense como o tempo passa rápido quando ele está em uma partida de futebol. Se na sua casa não tem espaço, leve seu filho para andar de bicicleta ou inscreva-o em esportes que ele goste. O ideal não é fazer uma atividade intensa, mas, sim, prolongada.

Leve seu filho ao médico caso o mesmo esteja acima do peso ou não. E lembre-se! Não existe milagres. Pratique atividade física e se alimente bem.  


via Crescer

Três das DSTs mais comuns estão ficando intratáveis

9/03/2016

Três das DSTs mais comuns estão ficando intratáveis, diz OMS

Você usa camisinha?Não!

 Então comece as ter o hábito de usar porque a coisa está ficando cada vez mais séria: segundo a Organização Mundial da Saúde, sífilis, clamídia e gonorreia - doenças bacterianas - estão ficando resistentes aos antibióticos mais usados contra elas.

As infecções são três das doenças sexualmente transmissíveis (DST) mais frequentes nos consultório médicos: juntas, elas contagiam mais de 200 milhões de pessoas por ano - todo ano, são 131 milhões infectadas pela clamídia, 78 milhões pela gonorreia e 5,6 milhões pela sífilis.

Com tanta gente doentes, os antibióticos estavam sendo administrados sem cuidado algum. O uso exagerado de antibióticos é justamente o que tem feito as bactérias se tornarem mais resistentes. O caso da gonorreia é o pior: a OMS afirma que já existem cepas da bacteria N. gonorrhoeae, causadora da doença, que não respondem a nenhum dos medicamentos existentes.

O cenário para sífilis e clamídia não é tão extremo, mas seus agentes causadores já se mostram bem mais resistentes à medicamentos também, o que preocupa a organização. Por isso, na última terça-feira - 30, a OMS aconselhou uma mudança nos tratamentos padrão para essas doenças. 

Para começar, a organização recomenda o uso do antibiótico certo para cada caso, em doses mais controladas do que se tem usado até agora - cada serviço de saúde em cada país deve ficar responsável por definir o medicamento. 

Outra recomendação, mais específica, é não usar a quinolona, um tipo de antibiótico comum nos casos de infecções bacterianas como a sífilis, a gonorreia e a clamídia. Para fechar, a OMS pediu que os governos prestem atenção no aumento da resistência dessas bactérias, ano a ano.



Transmissão e sintomas

A sífilis é transmitida por meio do contato com feridas de pessoas infectadas - elas podem aparecer nos genitais, no ânus, na boca ou em outras partes do corpo. A doença também pode ser transmitida de mãe para filho durante a gestação ou no parto (por ano, a transmissão desse tipo provoca cerca de 143 mil mortes fetais e nascimento de natimortos, além de 62 mil mortes neonatais, segundo a OMS).

Já a clamídia, a mais comum das DSTs causadas por bactérias, causa um ardor forte ao urinar ou corrimentos genitais - embora a maioria das pessoas não apresente sintomas. A gonorreia pode provocar, além de dores nos genitais, infecções e muita dor no reto e na garganta.

As três doenças, caso não sejam diagnosticadas e tratadas a tempo, podem causar problemas graves a longo prazo - mesmo que não apresentem sintomas por um tempo. As mulheres, por exemplo, podem desenvolver gravidez ectópica (fora do útero), inflamações na região pélvica e abortos espontâneos.

Nos dois sexos (homens e mulheres), a sífilis, a gonorreia e a clamídia podem causar infertilidade, além de aumentarem o risco da pessoa ser infectada pelo HIV.

Então, USEM camisinhas cambada. Se você quer dar aquela aliviada mais está mais duro que seu amigo para comprar camisinhas, vá até o posto de saúde mais próximo de sua casa. O SUS faz distribuição gratuita, ok? 

E lembre-se! Ao início de qualquer sintoma, procure o médico e faça o teste de DST HIV Aids. 

via Exame
 
Copyright © Health. Designed by OddThemes